Um dia normal de trabalho requer a execução de diversas tarefas diferentes. Mas para dar conta de tanta coisa é preciso mais que disposição, é necessário organização! A Técnica Pomodoro pode ser uma aliada nesse desafio diário tanto para trabalhadores como para estudantes. Com ela, você conseguirá organizar o seu dia com praticidade e ser cada vez mais produtivo. Veja como dar fim ao não cumprimento de prazos e à procrastinação.

Como surgiu a Técnica Pomodoro

Essa técnica de gestão de tempo tem origem na Itália. Graças ao estudante universitário Francesco Cirilo, que buscava meios de otimizar seus estudos, em 1980 foi criada a Técnica Pomodoro. Inspirado por um timer culinário em formato de tomate (pomodoro, em italiano), Francesco determinou uma contagem de tempo para a execução de suas tarefas e também para o seu descanso. Seu timer contava 25 minutos por vez, portanto esse era o tempo de cada tarefa. Desse modo, percebeu que sua rotina de estudos se tornou muito mais produtiva e seu foco muito mais aguçado. A técnica foi um sucesso, e sua eficácia comprovada. Por isso até hoje ela é conhecida no mundo todo e utilizada por várias pessoas.

Como funciona?

Para aplicar a Técnica Pomodoro no seu trabalho ou nos seus estudos é preciso, antes de qualquer coisa, disciplina. Caso você trabalhe em casa, como freelancer, essa técnica pode te ajudar muito mais; já que as dispersões podem ser inúmeras. Sua execução é bem simples, e necessita apenas de um cronômetro, papel e lápis. Atualmente, já existem aplicativos criados com base na Técnica que podem servir como cronômetro; pesquise no seu celular. Com o material em mãos, faça, em seguida, uma lista de todas as tarefas que precisam ser executadas durante o dia. Depois, divida seu tempo em pomodoros, ou seja, blocos de 25 minutos.

Conheça 10 aplicativos que prometem te ajudar a ter um rendimento incrível no trabalho.

Feito isso, dê 100% de foco na realização das suas atividades durante esse período de tempo. Completados os 25 minutos, faça um intervalo de 5 minutos. Nesse momento de descanso faça coisas que não estão relacionadas ao que estava fazendo antes, como responder um e-mail, comer alguma coisa, tomar um café etc. Se em uma tarefa você utilizar mais de 4 pomodoros, aumente o seu descanso entre 15 e 30 minutos. Siga esse passo a passo até o final do seu horário de trabalho.

Turma da Mônica e Corpo Humano

A cada 25 minutos passados, faça uma marcação no papel. Assim, no final do dia, você conseguirá visualizar o tempo que gastou ou que necessita para cumprir cada trabalho. Além disso, terá mais controle da sua produtividade, descobrindo o quanto consegue produzir por vez. Se você não conseguir cumprir com as suas tarefas na primeira tentativa de usar a Técnica Pomodoro, não se preocupe! Muitas vezes é preciso um período para se adaptar à contagem e para que o cérebro fique sempre mais ágil e focado. Não desista, tente novamente e veja como o seu rendimento será cada vez maior. Para te ajudar ainda mais, confira 5 ideias simples para aumentar a produtividade.

Por Thaís Garcez

Assine a nossa newsletter e receba nosso conteudo em primeira mão!