Uma vida feliz, sem estresse, saudável e divertida. Este é o sonho de 10 entre 10 pessoas no planeta. Pois saiba que o segredo de uma vida balanceada e satisfatória já foi descoberto na Suécia. O Lagom é a filosofia de vida que reúne todas essas características e um dos motivos do país escandinavo ser um dos lugares com melhor qualidade de vida do mundo. Esse conceito já está tão enraizado na cultura sueca que muitos nem sabem explicar o que é verdadeiramente, pois já faz parte de cada um. O Lagom procura sempre o equilíbrio entre todas as coisas, desde o consumo até as atividades diárias. É um conceito a ser copiado e posto em prática por todos.  

Origem da palavra

“Nem pouco, nem demais, apenas o suficiente.” Este é o significado mais próximo da palavra sueca Lagom (pronuncia-se Lá-gom). De acordo com a etimologia, “lag” quer dizer lei em sueco antigo. Entretanto, reza a lenda que a palavra deriva de uma abreviação da expressão viking “laget om”. Esse termo, que significa algo como “ao redor da equipe”, era usado quando os vikings se reuniam ao redor da fogueira e compartilhavam a mesma bebida com todos os que estavam ali. Ninguém bebia mais do que o outro, todos tomavam a mesma quantidade.

Percebe-se que a busca pelo equilíbrio é algo que remonta às antigas civilizações. Lagom é a consciência de que viver de modo exagerado é prejudicial não só para si como para a sociedade. Portanto, é um estilo de vida que pode e deve ser aplicado desde as menores atitudes, como compartilhar uma garrafa vinho, por exemplo.

Lagom na prática

Para seguir o estilo de vida Lagom é preciso desapegar das superficialidades. Um closet cheio de roupas, excesso de compromissos, refeições exageradas todos os dias… tudo isso deve ficar para trás. A vida de equilíbrio e coletividade proposta pelo Lagom requer moderação. Se você deseja viver essa filosofia, preste atenção nesses hábitos:

Busque uma vida sustentável

Na hora de se alimentar, procure comprar aquilo que for realmente consumir. Desperdício de alimento é falta grave! Pequenos produtores são ótimos locais de compra, além de consumir alimentos mais saudáveis estará contribuindo com a produção local. Além disso, na hora de comprar produtos de uso pessoal, dê preferência a objetos reutilizáveis, que não agridam o meio ambiente.  

Reduza o lixo

Para o estilo Lagom, quanto menos embalagens melhor. Leve a sua própria sacola ao supermercado e opte por produtos retornáveis (garrafas de bebida de vidro) ou recarregáveis (produtos com refil). Pensar na redução de lixo é primordial! Porém, lixo que se acumula também deve ser separado corretamente para a reciclagem, veja aqui como fazer.

Não jogue fora, conserte!

Se uma roupa precisa de pequenos ajustes, ou um eletrodoméstico está com defeito, não se desfaça deles, leve ao conserto. Além de diminuir a quantidade de resíduos, você estará economizando. Compre somente quando estiver realmente precisando. E tudo aquilo que está sem uso no seu guarda-roupa ou na sua casa pode ganhar um novo dono. Doe o que não estiver usando.

Tenha uma rotina balanceada

Sei que é difícil, mas para seguir os preceitos do Lagom é preciso manter uma rotina que inclua exercícios físicos, boas horas de sono e alimentação saudável. Existem exercícios que podem ser feitos em casa, em poucas horas, e técnicas de congelamento que podem salvar a sua alimentação. Experimente, a sua saúde agradece!

Dê valor ao seu bem-estar

Para quem vive o estilo de vida Lagom, ter momentos de lazer é fundamental. O tempo passado com amigos, conversando e se divertindo, ajuda não só a saúde mental como a emocional. Dê mais importância às pessoas, e não às coisas. Dessa forma você ganhará mais qualidade de vida e histórias para contar.

Viva sua liberdade

Quanto mais coisas você tem para se preocupar, menos tempo você terá para você. Invés de comprar uma piscina, por exemplo, que requer manutenção, planeje conhecer praias e cachoeiras num final de semana. Tente sempre optar por aquilo que te faz sentir livre de preocupações. Encontre o equilíbrio entre deveres e prazeres.

Talvez nem todos os pontos do estilo de vida Lagom possa ser posto em prática na nossa realidade brasileira. Mas, com algumas adaptações, é possível encontrar a felicidade à nossa maneira. O importante é encontrar a harmonia entre o mundo e nós, entre os nossos anseios e as necessidades do próximo.

Por Thaís Garcez