Cada vez mais pessoas estão descobrindo que se pode dar um toque especial às saladas com a adição de leguminosas. Mas você sabia que as ervas frescas também podem dar um sabor maravilhoso a uma salada e ainda acrescentar benefícios nutricionais? Confira abaixo 10 ervas frescas que vão dar um toque a mais em seu prato.

→ 10 ervas frescas para temperar seus pratos:

1. Alecrim

Uma das ervas mais aromáticas, em forma de agulha, vai muito bem em saladas mornas com verduras e legumes, carne de porco, carneiro e peixe. Além disso, o alecrim também pode melhorar sua memória.

2. Cebolinha-francesa

Assim como outros membros da família da cebola, as folhas parecidas com capim da cebolinha-francesa são ricas em compostos sulfurosos benéficos e em alicina, fitoquímico que ajuda a evitar doenças cardíacas. Pique com a tesoura e polvilhe sobre saladas com carne, ave, peixe ou folhas.

3. Endro

O gosto de cominho suave das folhas do endro combina com saladas de frutos do mar, além de batatas e pepinos.

4. Estragão

As folhas em forma de lança dessa erva têm sabor forte, que lembra o do anis, e ficam perfeitas em saladas de frango.

5. Hortelã

Com seu forte sabor refrescante, é uma das ervas mais populares. Ela vai muito bem em saladas de feijão e batata, mas também com frutas, como melão e manga.

Confira também: 4 dicas (e 3 molhos) para tornar suas saladas com ervas irresistíveis!

6. Manjericão

Tradicional no molho pesto, as pequenas folhas do manjericão têm sabor acre e delicioso. Espalhe sobre qualquer salada de tomate, mas especialmente uma com queijo mussarela.

7. Ora-pro-nóbis

Erva de origem grega e turca, tem folhas carnudas, redondas e verdes, de sabor refrescante e suave. Adicione algumas folhas a uma salada de folhas ou espalhe sobre uma salada de batata.

8. Orégano e manjerona

Essas ervas aparentadas, com muito poucas folhas têm sabor forte, portanto use-as esparsamente em saladas de tomate ou saladas mornas de abobrinha e berinjela.

9. Salsinha

Decoração clássica de pratos salgados, também é um complemento saboroso para uma salada de folhas ou ervas. Além disso, também é uma boa fonte de folato, ferro e vitamina C.

10. Tomilho

Pequenas, mas muito aromáticas, as folhas do tomilho são ótimas ervas para saladas de batata e feijão. Além disso, também são ótimas pedidas em em saladas quentes com carne de vaca e de pato. Saiba também como ter uma boa saúde bucal com a ajuda do tomilho.

→ Confira algumas sugestões de saladas com ervas frescas:

Salada de trigo com peixe ao molho de limão

Ingredientes

200 g de trigo para quibe

300 g de filé de peixe de carne branca

½ limão cortado em fatias finas

2 ramos de salsa fresca

5 grãos de pimenta-do-reino

150 g de pepino cortado em cubos

100 g de cebolinha em fatias finas

250 g de tomates-cereja cortados ao meio

3 colheres (sopa) de coentro fresco picado (opcional)

3 colheres (sopa) de hortelã fresca picada

3 colheres (sopa) de salsa fresca picada

Para o molho:

Raspas da casca de ½ limão

2 colheres (sopa) de suco de limão

2 colheres (sopa) de vinagre de vinho tinto

2 colheres (sopa) de azeite de oliva

1 colher (chá) de mostarda de Dijon

1 dente de alho amassado

Sal e pimenta-do-reino


nitrub/iStock

Modo de preparo:

1. Disponha o trigo para quibe numa tigela refratária grande. Cubra-o com 600 ml de água fervente e reserve-o por 45 minutos, ou até ter absorvido toda ou grande parte da água.

2. Nesse meio-tempo, arrume os filés de peixe numa frigideira grande, com tampa. Adicione as fatias de limão, a salsa, a pimenta-do-reino e água fria suficiente para cobrir os ingredientes. Deixe levantar fervura. Depois, reduza o fogo e, com a frigideira tampada, cozinhe por 5 minutos, ou até o peixe ficar opaco e soltar lascas com facilidade.

3. Retire o peixe do líquido e deixe-o esfriar. Com cuidado, quebre-o em lascas grandes.

4. Escorra a água do trigo, pressionando-o para secá-lo. Coloque-o numa saladeira grande. Adicione o pepino, a cebolinha, o tomate-cereja e as ervas picadas. Acrescente o peixe, sem quebrá-lo, e misture tudo.

5. Para o molho, misture todos os ingredientes. Despeje-o sobre a salada e, com cuidado, misture tudo sem quebrar o peixe.

6. Cubra a tigela e leve-a à geladeira por 1-2 horas, para apurar o sabor. Acerte o tempero antes de servir e decore com os ramos extras de hortelã.


Christiane Krüger

Salada de rabanete ao molho de queijo cremoso

Ingredientes:

2 maços de rabanetes sem a parte verde (em torno de 300 g);

2 peras pequenas;

1 pepino;

75 g de queijo cremoso com ervas (produto pronto);

100 g de creme de leite fresco;

1 colher (sopa) de pasta de wasabi (raiz-forte);

suco de limão;

sal de ervas;

1 maço de cebolinha-francesa;

100 g de minitorradas crocantes.


Modo de preparo:

  1. Limpe, lave os rabanetes e deixe secar; depois corte-os em quatro. Lave as peras, retire a parte central com as sementes e corte o restante em fatias.
  2. Descasque o pepino e corte ao meio, no sentido do comprimento. Com uma colher, raspe a parte mole do miolo, retirando as sementes. Corte as metades novamente ao meio, longitudinalmente, e depois em pedaços estreitos. Misture os pedaços de rabanete, de pera e de pepino em uma saladeira.
  3. Para fazer o molho, misture o queijo cremoso com o creme de leite fresco e a pasta de wasabi, até formar um creme. Tempere com suco de limão e sal de ervas.
  4. Despeje o molho sobre os ingredientes da salada e misture. Tempere a salada novamente com sal de ervas.
  5. Lave a cebolinha-francesa, sacuda para secar e corte. Salpique sobre a salada e sirva com as minitorradas.