Faça uma busca
|
Publicado em: 25 de fevereiro de 2020

Saiba como aliviar a dor nas costas depois da folia do Carnaval

Além da má postura, outros fatores podem ocasionar dores nas costas

Imagem: LightFieldStudios/iStock

Embora costumem ser desconfortáveis, as dores nas costas, em sua maioria, não são graves. Em geral, a região lombar, que suporta quase todo o peso do corpo, é a mais acometida. Entretanto, uma inflamação ou até mesmo uma lesão leve em qualquer um dos ossos da coluna ou em seus músculos, cartilagens, nervos e outros tecidos podem desencadear dor. E durante o Carnaval não é raro encontrar pessoas que procuram meios de como aliviar a dor nas costas depois da folia nos blocos de rua.

A verdade é que, uma vez que os humanos desafiam a gravidade ficando em posição ereta, a coluna frequentemente fica sob tensão. Assim, as dores nas costas são causadas, na maioria dos casos. O segredo para melhorar esse problema é fortalecer tanto as vértebras quanto os tecido em torno delas.

Principais causas

A maioria das dores nas costas é resultado da sobrecarga muscular. Posturas inadequadas, enfraquecimento dos ossos ou da cartilagem ou deslizamento de disco invertebral também podem causar desconforto. Além disso, perturbação emocional ou algum estresse também podem influenciar nas dores. Doenças como artrite ou osteoporose podem predispor a pessoa à dor nas costas crônica.

Quando procurar o médico?

Procure um médico sempre que a dor nas costas for excruciante ou vier acompanhada de febre ou vômitos. Se surgirem dormência ou formigamento nos braços e nas pernas, ou uma dor intensa se espalhar pela parte de trás da perna (ciática), não hesite em buscar ajuda médica. Além disso, fique atenta se as dores estiverem localizadas em uma região da coluna ou se aparecerem após uma queda ou acidente.

Saiba como evitar e como aliviar a dor nas costas

Para que as dores nas costas não seja uma realidade na sua vida, confira 7 cuidados que devem ser tomados:

  • fizkes/iStock

    1. Tenha em mãos um anti-inflamatório

    Um remédio anti-inflamatório pode representar um alívio momentâneo para a dor na coluna ou em outros locais do corpo. Se você levar uma bolsa pequena, considere incluir um anti-inflamatório.

    Existem ainda adesivos que aliviam a tensão da região em que a dor se encontra. Além de serem mais baratos, são também mais práticos, já que não ocupam tanto espaço.


  • Artem Ermilov/iStock

    2. Não deixe de se alongar

    Muitas pessoas negligenciam o alongamento no dia a dia, mas a verdade é que ele não é necessário apenas antes da academia ou da caminhada. Andar, pular e dançar equivalem a um exercício intenso e podem resultar em dores nas costas


  • Deagreez/iStock

    3. Use sempre calçados confortáveis

    Para melhorar a postura, use calçados confortáveis. A caminhada ou outros movimentos de impacto, quando realizados sem um calçado inadequado, oferecem um risco enorme para a coluna. O ideal é que sejam utilizados tênis específicos para caminhada ou sapatilhas com apoios acolchoados no calcanhar e na parte posterior do pé. Investir em calçados de qualidade é uma resposta simples de como aliviar a dor nas costas.


  • undrey/iStock

    4. Fique atento à postura

    A má postura também é um fator de risco que ocasiona dores nas costas. Ela acarreta no enfraquecimento dos músculos dorsais, e pode até mesmo causar problemas sérios, como a hérnia de disco. De pé ou sentada, preste sempre atenção à posição da coluna, que deve se manter reta. Veja outras instruções para evitar a má postura e evitar o enfraquecimento da sua coluna!


  • yanik88/iStock

    5. Aposte nas massagens

    Massagens terapêuticas, quiropráticas (alinhamento da coluna) ou acupuntura podem representar meios eficientes de como aliviar a dor nas costas. A acupuntura, por exemplo, é ideal para acessar pontos de estresse da coluna que causam dores intensas. Por isso, vale a pena procurar um especialista que indicará uma massagem específica para o seu caso.


  • humonia/iStock

    6. Mexa-se da maneira correta

    Existem muitos movimentos comuns que podem acarretar em dor nas costas. Por isso é bom saber o que não fazer para evitar desconfortos frequentes. Não se incline, por exemplo, na altura da cintura sem antes dobrar os joelhos para se levantar. Além disso, sente-se em cadeiras com apoio lombar e frequentemente levante-se para esticar o corpo.

    O fortalecimento da musculatura do abdome ajuda a prevenir lesões nas costas. Um estudo recente mostrou que abdominais parciais, realizados levantando-se as costas a meio caminho com os joelhos dobrados a um ângulo de 90°, são a melhor forma de fortalecer essa musculatura. Dessa forma, você impõe menos tensão sobre a musculatura da região lombar. Os abdominais plenos ou “com cruzamento de um joelho sobre o outro” podem traumatizar as costas.


  • Helin Loik-Tomson/iStock

    7. Suplementos também podem ajudar

    Existem alguns suplementos que podem trazer alívio às dores nas costas. Mas, antes de iniciar um programa terapêutico com suplementos, consulte seu médico para verificar se existe indicação de algum tratamento clínico ou cirúrgico. Além disso, caso você tenha algum problema de saúde, também é fundamental procurar orientação médica. Os suplementos visam fortalecer ossos e músculos, reduzindo a inflamação e tratando a dor.

    As pessoas que possuem tendência a desenvolver problemas nas costas devem começar com vitaminas e minerais que fortaleçam os ossos e a cartilagem como: cálcio, magnésio, vitaminas C e D e manganês.

    Inclusive, vale a pena experimentar outros suplementos, seja sozinhos ou combinados. A casca de sabugueiro-branco tem características analgésicas semelhantes às do ácido acetilsalicílico e menos efeitos colaterais. Rico em ômega-3, o óleo de linhaça também pode ter propriedades analgésicas e anti-inflamatórias. Todos esses suplementos às vezes reduzem a necessidade de analgésicos convencionais.

    De qualquer modo, procure uma opinião médica antes de tomar qualquer remédio ou suplemento. Muitas vezes uma simples dor pode mascarar algo mais grave. Cuide da sua saúde com atenção.


Assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

assine a nossa newsletter
Entendo que passarei a receber ofertas de produtos, serviços, informativos e presentes grátis, além de outras promoções de Seleções e de parceiros. Para mais informações, acesse nossa Política de Privacidade e Uso de Dados