Talvez pareça difícil fazer mais exercícios físicos caso tenha um emprego sedentário. Mas, com planejamento e consciência, você pode manter o corpo ativo mesmo durante o expediente. Todo o tempo gasto – num ônibus, carro, fila – oferece oportunidades de trabalhar os músculos. No escritório, pausas curtas podem propiciar uma mudança de posição e aguçar a concentração. E usar a hora do almoço para se exercitar em vez de descansar lhe dará bastante disposição.

Siga essas dicas e deixe o seu dia a dia mais ativo. E aproveite para descobrir como ter uma alimentação mais saudável no trabalho.

a-wrangler/iStock

1 – Caminhe até o trabalho

O trajeto até o trabalho é a oportunidade perfeita de se exercitar. Se for viável, vá trabalhar a pé, o que implica sair uma hora antes. Tente isso. Os já comprovados benefícios de uma caminhada diária são significativos.


william87/iStock

2 – Opte pelo transporte público

Longe demais para andar? Então, use o transporte público em vez do carro. Pegar ônibus ou trem para ir ao trabalho ou à cidade requer que você caminhe mais, e o movimento extra pode ter um impacto impressionante. Num estudo americano, cidadãos em Charlotte, Carolina do Norte, que trocaram o carro pelo novo sistema leve sobre trilhos perderam mais de 2,7 kg em 18 meses.


kasto80/iStock

3 – Se exercite no caminho

Se estiver sentado tempo demais no trem, ônibus ou carro, alongue-se sempre que puder. Erga cada perna e a estique por 30 segundos. Esticar as pernas é importante, porque ajuda a reduzir o risco de formação de coágulos de sangue, por ficar sentado numa mesma posição por muito tempo. Para alongar os braços, estique um atrás do pescoço, segurando o cotovelo com o braço contrário. Faça o mesmo com o outro braço.


Rawpixel/iStock

4 – Diversifique sua rotina

O deslocamento até o trabalho na hora do rush não apenas irrita, mas costuma consumir tempo que poderia ser gasto com exercícios. Siga estas soluções práticas:

1 Chegue cedo ao trabalho. Use o tempo para uma caminhada nos arredores, se for seguro.

2 Pergunte ao chefe se pode começar uma hora mais cedo e sair uma hora antes. Utilize essa hora ao final do dia para se exercitar.

3 Se puder trabalhar em casa uma ou duas vezes na semana, caminhe ou faça ginástica no tempo que empregaria para deslocamento.